O tribunal do Juri de Formosa (GO), entorno do DF, fez a condenação a 68 anos de prisão de Raimundo Nonato, 36 anos, por ter matado a mulher e dois filhos com um requinte de crueldade. No ano de 2010 ele matou sua esposa, Odalice Rodrigues, 29 anos, uma filha de quatro anos e participou da morte do filho de cinco.

 Coautor, Sebastião Cardoso dos Santos, 40 anos, vai cumprir pena de 25 anos por ter ajudado a ocultar o cadáver.

Escolha qual rede social e comente:

0 comments: