O dinheiro retido seria encaminhado à construção de uma ala no Cepaigo em 2011.
Entre 2011 a 2012, 29 presídios deixaram de serem construídos em Alagoas, Ceará, Paraíba, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Sergipe, Tocantins, Mato Grosso do Sul, Goiás, Rio de Janeiro e Minas Gerais. Os Estados citados não cumpriram o prazo de execução estabelecido nos contratos e por isso foram cancelados pelo Ministério da Justiça.
Aproximadamente R$ 103,4 milhões foram recolhidos para o Departamento Penitenciário Nacional (Depen). Em Goiás, foram recolhidos R$ 5 milhões. De acordo com o Presidente da Agência Goiana do Sistema de Execução Penal (Agsep), Edmundo Dias, o dinheiro seria destinado à construção de uma ala com 300 vagas no antigo Cepaigo.

Escolha qual rede social e comente:

0 comments: