Um médico perito do Detran-GO (Departamento de Trânsito de Goiás) foi preso na noite desta quarta-feira (16) acusado de bater em uma viatura da PM sob o efeito de álcool em Formosa (GO), região do Entorno do DF.

O acidente aconteceu por volta das 22h em uma rodovia que liga a área rural ao centro urbano da cidade, durante uma ronda de rotina dos militares.

Equipes do Corpo de Bombeiros foram acionadas e prestaram os primeiros socorros no local. Na viatura estavam dois policiais. Um deles sofreu ferimentos e precisou ser encaminhado ao hospital local, mas passa bem.

O outro pediu reforço da corporação e fez o teste de bafômetro no médico perito do Detran, acusado de provocar a batida.

Neste momento, ficou comprovado que ele estava dirigindo embriagado, com número de teor alcoólico no sangue 80% acima do limite permitido por lei.

Ele foi preso em flagrante e encaminhado ao Ciops (Centro Integrado de Operações e Segurança) da região, onde a ocorrência está registrada.

Após prestar depoimento, o médico se recusou a pagar fiança e, por conta disso, foi encaminhado ao presídio da cidade.

O delegado responsável pelo caso informou que um relatório está sendo elaborado para ser enviado ao Detran nesta quinta-feira (17), com todos os detalhes sobre o que aconteceu.

O Detran-GO disse que os médicos peritos não são servidores do departamento e trabalham em regime de prestação de serviços sem vínculo empregatício direto. No entanto, uma sindicância será aberta para apurar o caso e o médico poderá ter o direito de trabalhar na instituição cassado.

Com informações do Portal R7 

Escolha qual rede social e comente:

0 comments: