O sonho de ter uma casa própria finalmente foi concretizado para 496 famílias formosenses que atenderam os requisitos do programa Minha Casa, Minha Vida. O método de escolha foi a análise das 4 mil famílias que estão cadastradas no banco de dados da Prefeitura de Formosa. Foram avaliados quantidade de filhos, renda da família, quantidade de moradores, etc. As famílias foram selecionadas e filtradas pela superintendência de Assuntos Fundiários e Habitação.

No dia 22 de novembro a Prefeitura de Formosa juntamente com a Caixa realizou o sorteio para definir os lotes onde cada família iria residir.
Na manhã de segunda-feira (16/12), a Prefeitura de Formosa através da superintendência de Assuntos Fundiários e Habitação, em parceria com a Caixa Econômica Federal, realizou a assinatura e entrega das chaves de 496 unidades habitacionais no residencial Jardim Planalto do Programa Minha Casa, Minha Vida.

A superintendente de Assuntos Fundiários e Habitação, Érica Natividade, revelou a felicidade de poder entregar a casa antes do natal.

O prefeito Itamar Barreto alertou para os beneficiados não venderem suas residências. “Essa casa não é importante só porque abriga a família, mas que através da placa que fica nas residências as pessoas recebem a carta que vem do Ceará. Quero pedir a Deus que abençoe suas casas e protejam do mal, não deixando as coisas ruins entrarem”, destacou.

Para Maria. o recebimento da chave da casa própria é uma maravilha. “9 anos que esperei por isso. Essa casa nova vai representar tudo para mim e vida dos meus filhos”, disse.

Neusa Ribeiro está feliz por sair do aluguel. “Muitos anos eu pelejei para ganhar uma casa e agora Deus me concedeu. Quem mora de aluguel não tem vida porque é corrida pra cá, corrida pra lá”, declarou.

Joseleia Sampaio está confiante por causa da casa nova. “Essa casa vai significar uma parte da minha vida, para mim ter o meu próprio endereço, minha casa. Vai me ajudar muito, daqui para frente vai ser tudo melhor”, revelou.

Marta da Silva ressaltou que com a casa própria vai sobrar mais dinheiro para comprar mais alimento. “Vou comprar mais alimento, muitas vezes que não tinha em casa pois tinha que pagar aluguel e ficar com fome”, frisou.

A dona Margarida que não tinha condições de pagar aluguel e ficava morando de casa em casa está se sentindo realizada. “Eu estou muito feliz. Eu não podia pagar aluguel, eu morava um pouco em uma casa, onde dava um lugarzinho ali eu tava. Agora vai mudar, graças a Deus”, ressaltou emocionada.
Com informações da Prefeitura de Formosa

GALERIA















Escolha qual rede social e comente:

0 comments: