Os servidores municipais de Formosa deliberaram paralisar as atividades por três dias.
Reprodução/Cut-DF
Os servidores municipais de Formosa deliberaram paralisar as atividades por três dias. A decisão foi tomada na quinta-feira (13) pela assembleia da categoria.

O prefeito Itamar Barreto pretende encaminhar para a Câmara um pacote de medidas que atinge os servidores, sob a alegação de conter gastos. Entre as propostas está redução do valor dos quinquênios; redução da gratificação de zona rural para professores e redução da gratificação dos funcionários de secretaria.

“Mas os trabalhadores não aceitaram e acreditam que as propostas encaminhadas pela Prefeitura podem melhorar. Com mais um pouco de zelo, a pauta atende os servidores”, destaca Alex Nunes, presidente do Sinprefor.

O Sinprefor tentou se reunir com o prefeito, mas um dos secretários afirmou que só marcaria a reunião se a paralisação fosse suspensa. "Vale lembrar que não tivemos contato direto com o prefeito ainda. Dois vereadores foram informados da dificuldade e afirmaram que vão auxiliar na marcação da reunião. Aguardamos e esperamos que o prefeito nos atenda, uma vez que caso não haja negociação durante o período os trabalhadores dificilmente irão recuar", afirma Alex.

Com informações da Cut-DF e Sinprefor

Escolha qual rede social e comente:

0 comments: