Uma região do Brasil, na verdade ainda desconhecida pela maioria dos brasileiros, tem um potencial hídrico fantástico, porque é o centro das bacias hidrográficas brasileiras, a região da cidade de Formosa-Go

Enquanto a situação da Região Sudeste do Brasil está ficando dramática por causa da falta de chuvas, uma região do Brasil, na verdade ainda desconhecida pela maioria dos brasileiros, tem um potencial hídrico fantástico, porque é o centro das bacias hidrográficas brasileiras, a região da cidade de Formosa-Go.

A falta de chuvas na Região Sudeste, que não acontece porque São Pedro esqueceu de abrir as torneiras do céu, como estão rezando os paulistas, seguidos por cariocas e mineiros, como todos os especialistas sabem, especialmente o maior cientista brasileiro, Antonio Nobre, que explica o assunto detalhadamente, é causada pelo desmatamento da Amazônia. Os únicos que não sabem ou fingem não conhecer são os políticos brasileiros.

Ficam aqui registradas algumas perguntas para eles:

- Por que está chovendo intensamente nos estados da Região Amazônica e não está chovendo como chovia antes nos estados da Região Sudeste?

- Por que os habitantes de São Paulo, do Rio de Janeiro e de Minas gerais não são devidamente informados da realidade que está acontecendo com o meio ambiente no Brasil?

-Por que as autoridades brasileiras não tomam medidas abrangentes e diretas?

A situação geográfica de Formosa é excepcional, desaproveitada como um fantástico ponto turístico e não divulgada para todo o Brasil, desconhecida, na realidade, pela maioria dos habitantes da região e pelos habitantes do Distrito Federal, de vez que as nascentes ficam nos limites do município com o Distrito Federal.

Naquele estratégico ponto geográfico nasce o Ribeirão Pipiripau, que deságua no Rio São Bartolomeu que deságua no Rio Corumbá que chega ao Rio Paraná, no Sul do Brasil.

Onde nasce o Rio Paranã que chega ao Estado do Tocantins e forma com o Rio Maranhão o Rio Tocantins, no Norte do Brasil.

Também tem a nascente que forma o Rio Preto que deságua no Rio São Francisco, no Nordeste do Brasil.

Uma posição geográfica privilegiada que, certamente, atrairá migrantes e empresas do Brasil.

Uma preocupação a ser considerada e estudada urgentemente é a situação de cada nascente, se estão devidamente protegidas, antes que morram, como aconteceu com a principal nascente do Rio São Francisco e a do Rio Paraopeba, ambas em Minas Gerais. O município de Formosa-Go tem um precioso líquido nas mãos, mais valorizado que o petróleo, a água.

NÃO DEIXEM QUE ELA EVAPORE!

Foto: Aldimar Nunes, no cerrado do município de Formosa em 2014

Escolha qual rede social e comente:

0 comments: