O 16º Batalhão de Polícia Militar, localizado em Formosa, comemorou o 26º aniversário da instituição em Formosa. Em meio a tristeza, o comandante Major Moura solicitou um minuto de silêncio.

A morte de uma garota de 8 anos e os ferimentos de seu irmão após serem baleados na tarde desta terça-feira, 27, quando iam para a escola, comoveu a população de Formosa. Segundo a Polícia Civil, as crianças foram atingidas nas costas durante o tiroteio entre dois motoristas que haviam discutido minutos antes em um posto de combustíveis.

Em entrevista ao G1, portal de notícias da Globo o delegado responsável pelo caso revelou."A princípio, os dois condutores se desentenderam e saíram trocando agressões verbais. Em um dado momento, eles começaram a atirar um contra o outro e atingiram as crianças", diz Vytautas Zumas, titular do Grupo de Investigação de Homicídios (GIH).

A criança não resistiu aos ferimentos e morreu no local. O seu irmão foi socorrido e encaminhado para a UPAI – Unidade de Pronto Atendimento Infantil. De lá,
foi transferido de helicóptero para o Hospital de Base, em Brasília.

O 16º Batalhão da Polícia Militar, localizado em Formosa, comemorou o 26º aniversário da instituição em Formosa. Em meio a tristeza, o comandante Major Moura solicitou um minuto de silêncio. “A segurança pública, a comunidade Formosense está de luto. Gostaria de pedir a todos os senhores um minuto de silêncio. ”

Imagens da câmera de segurança do posto de gasolina, exibidas pela TV, mostram o carro prata chegando no posto, seguidos pela camionete. Logo em seguida dois homens de pé correm em direção ao carro prata que sai do local.

Aconteceu na noite desta terça-feira, a solenidade do 26ª aniversário do 16º Batalhão da Polícia Militar de Goiás.
(Foto: Reprodução/TV Anhanguera)

Escolha qual rede social e comente:

0 comments: