O chefe do executivo local, prefeito Itamar Barreto juntamente com os secretários se reuniram com a equipe da CPX Cimentos na manhã desta segunda-feira, 19.

O chefe do executivo local, prefeito Itamar Barreto juntamente com os secretários se reuniram com a equipe da CPX Cimentos na manhã desta segunda-feira, 19. Eles assistiram à apresentação da CPX que expôs o Complexo Minero-Industrial de Formosa-GO. A fábrica construída próxima ao Barreiro será de última geração e possui medidas para reduzir o ruído.

O projeto segue o padrão mundial. "Junto com o processo de formação e Inclusão Social vamos construir as soluções adequadas. Vocês sabem melhor do que ninguém as soluções", revela o diretor da CPX.

Junto com a fábrica muitas empresas de produtos e serviços serão criadas. A estimativa é que atinja 2000 empregos gerados no pico da construção.

Segundo estimativas da empresa esse é o maior investimento da história do Nordeste Goiano. Formosa foi escolhida por ter infraestrutura de capital humano e posição estratégica. A fábrica já recebeu a licença prévia, que prevê a viabilidade ambiental. Nesse momento está esperando a licença de instalação. Os programas ambientais foram definidos e iniciados. O projeto de engenharia está pronto para início das obras.

O início das obras acontece após a emissão da Licença de Instalação. O período de obras é de 27 meses. A previsão para início da produção de cimento é 2018. Será produzido 800 mil toneladas de cimento por ano para Goiás, DF, Sul de Tocantins, Oeste da Bahia e Norte de São Paulo. O investimento total é de R$ 750 milhões.

Galeria

Confira as fotos







Escolha qual rede social e comente:

0 comments: