A cidade de Formosa participou na manhã deste sábado (13) da mobilização nacional contra o Aedes aegypti. A ação aconteceu simultaneamente em 353 municípios do país.

A cidade de Formosa participou na manhã deste sábado (13) da mobilização nacional contra o Aedes aegypti. A ação aconteceu simultaneamente em 353 municípios do país.

O mosquito é o responsável pela transmissão dos vírus da dengue, chikungunya, zika e febre amarela. O esforço foi nacional. Pelo menos 28 dos 31 ministros estiveram em capitais e grandes cidades. A secretária do Ministério do Trabalho, Natália de Sousa representou o Governo Federal na cidade de Formosa.

Em Formosa participaram da operação, simultaneamente, centenas de pessoas. O objetivo foi aprofundar o nível de conscientização da população quanto à gravidade do problema e a responsabilidade do cidadão na questão do combate ao Aedes Aegypti. A meta era visitar cerca de 10 mil residências.

A mobilização do exército, Prefeitura de Formosa e Governo de Goiás é a segunda etapa do cronograma criado pelo Governo Federal por meio do Ministério da Defesa, que já promoveu a eliminação de focos do mosquito em unidades das Forças Armadas.

Em uma terceira etapa, o cronograma prevê a ação de militares em conjunto com agentes de saúde. Eles visitarão residências para eliminar nascedouros do mosquito entre os dias 15 e 18 de fevereiro.

Já a quarta fase do plano da Defesa será desenvolvida em parceria com o Ministério da Educação, entre 19 de fevereiro e 4 de março, quando as escolas serão visitadas por militares, em palestras aos estudantes sobre a necessidade de combater o Aedes aegypti.

Em sua página o prefeito Itamar Barreto informa novas ações “As ações preconizadas pelo Estado de Goiás indica no mínimo 4 visitas em todos os domicílios e comércio nos municípios até o mês de junho, no intuito de orientar, eliminar, cuidar até punir moradores e comerciantes se assim se fizer necessário. No próximo dia 22/02/2016 o Governo Estadual estará encaminhando para dar mais força a campanha que já vem sendo desenvolvida no município. O Exército enviará na próxima semana 96 militares para atuarem juntamente com as equipes de saúde. “

Galeria

Confira a galeria






Escolha qual rede social e comente:

0 comments: