O empresário e escritor Marcos Garzon foi o entrevistado da Carta Polis, edição de julho.

O empresário e escritor Marcos Garzon foi o entrevistado da Carta Polis, edição de julho.

Marcos Garzon é autor de 104 obras fundamentais para o entendimento do que atualmente se passa com a mãe natureza, ameaçada de devastação de seus recursos pela ação do homem.

Garzon criticou o achismo na área ambiental, por ser um obstáculo seríssimo. Segundo o escritor o achismo na área ambiental, filho do desconhecimento com a prepotência, é um obstáculo seríssimo na visualização de horizontes futuros.

“O silêncio universal decorre de falta de conhecimento, falta de interesse e falta de vontade, especialmente dos dirigentes públicos governamentais de todos os países, de vez que estão mergulhados num redemoinho de problemas sociais, políticos, econômicos, financeiros, terroristas e por muitas guerras”, destaca o autor.

Confira a entrevista completa na página 18, do Carta Polis, aqui.

Escolha qual rede social e comente:

0 comments: