O radialista Breno Berlutinny foi o entrevistado do site Entorno Urgente. Na entrevista, Breno fala de sua vida na infância, no rádio e dos novos projetos. A entrevista foi realizada no último Sábado (2) no programa Esquenta.

O radialista Breno Berlutinny foi o entrevistado do site Entorno Urgente. Na entrevista, Breno fala de sua vida na infância, no rádio e dos novos projetos. A entrevista foi realizada no último Sábado (2) no programa Esquenta.

Quando você iniciou sua carreira?
Eu iniciei minha carreira há uns 12 anos atrás, quando comecei a fazer propagandas com minha bicicleta nas ruas de Formosa. As coisas foram melhorando e eu fui me aperfeiçoando. Fiz cursos e fui correndo atrás, aí a oportunidade chegou. Hoje, graças a Deus, estou na Rede Rural de Comunicação com o programa Esquenta e bombando. Tenho que agradecer muito à Deus, meus amigos, minha família, pois sempre acreditaram em mim e deram muita força para continuar e nunca abaixar a cabeça.

Qual a receita para o sucesso?
Ter fé em Deus, ser humilde, persistente e sempre acreditar em si próprio.

Qual sua trajetória na comunicação?
Desde criança sempre fui comunicativo. No colégio sempre gostava de ir na frente ler. A comunicação está no meu sangue. Eu gosto de sempre estar relacionando com as pessoas.

Você se sente uma pessoa realizada?
Sim, graças à Deus. Para ser feliz não necessito de muita coisa.

Você sempre foi muito solicitado para narrar e tocar em festas, para você, qual a mais importante?
Minha carreira teve um divisor de águas quando fui convocado para realizar o cerimonial do governador Marconi Perillo. Tenho em meu currículo 4 cerimoniais dentro e fora de Formosa. Não foi um sucesso repentino, veio em cima de luta, e batalha. Vou continuar nos pés no chão e sendo humilde para alcançar muito mais.

Além de locutor você trabalha com outra profissão?
Sou dj, já possuo 4 cd’s gravados, toco em festas e casamentos. Toco muito house e tribal.

E os novos projetos?
Tenho vários projetos para o ano que vem. Um dos principais é que iremos resgatar na cidade o antigo lazer. Todo final de semana estarei em um bairro diferente para promover um encontro de famílias, amigos e pessoas. Algo sadio, sem violência e drogas.

Bate-Bola com Breno Berlutinny
Cor: Azul
Hobbie: Ouvir música
Esporte: Judô, por praticar muitos anos
Qualidade: Sinceridade, falo na lata
Defeito: Impaciência, às vezes, sou meio marrento
Sonho de consumo: Ter a vida eterna

“Eu não me considero como locutor, pois o locutor lê. Eu sou comunicador, eu crio”
Breno Berlutinny

Escolha qual rede social e comente:

0 comments: