Menu

ÚLTIMAS

Formosa

Regional

Recent Posts

A partir de terça, não haverá mais ônibus da Prefeitura de Formosa a caminho do CEPMG

22 de abr de 2019 / No Comments
O comunicado foi enviado pelo prefeito Gustavo Marques. Em nota divulgada nas redes sociais o Cepmg Domingos de Oliveira informou que a partir desta terça-feira, 23, não haverá mais ônibus escolar do município com destino ao CEPMG.

O transporte será feito pela Viação Itiquira, conforme anunciado previamente nesta página para 14 alunos que se enquadraram em situação de vulnerabilidade “O Município realizou o levantamento de alunos, que se enquadram em situação de vulnerabilidade e terão direito a gratuidade das passagens. Este alunos devem procurar a sede da Viação Itiquira para confecção do passe livre”, revelou.

Confira a lista dos contemplados e o ofício do prefeito Gustavo Marques que informa a extinção da linha.

Fotos do prefeito Gustavo Marques e do ex Ernesto Roller são afixadas nos buracos de Formosa

/ No Comments
Ganharam as redes sociais neste final de semana, as fotos do prefeito Gustavo Marques e do ex-prefeito Ernesto Roller. As placas foram afixadas nos buracos de Formosa.

Gustavo, que era vice, se tornou prefeito quando Roller decidiu assumir uma vaga no Governo de Goiás. Com várias operações contra fraudes em processos licitatórios da Prefeitura de Formosa, a operação tapa-buraco, de recapeamento e asfalto foram suspensas pelo Tribunal de Contas dos Municípios.

Foto do prefeito Gustavo Marques e do ex-prefeito Ernesto Roller nas ruas de Formosa
Foto do prefeito Gustavo Marques e do ex-prefeito Ernesto Roller nas ruas de Formosa
Foto do prefeito Gustavo Marques e do ex-prefeito Ernesto Roller nas ruas de Formosa

E-sic da Prefeitura não informa para onde foram destinados R$ 405 mil da conta do Itiquira

20 de abr de 2019 / No Comments

Era 17 de outubro de 2017 quando a conta vinculada ao Salto do Itiquira recebia R$ 310 mil reais, maior valor alcançado no ano, se não o maior já transferido. No mesmo dia R$ 405 mil reais foram retirados. A operação é considerada normal uma vez que não há lei específica que destina parte do recurso para investimento em determinada área.

No dia 20 de março, foi feita solicitação para descobrir de onde saiu, para onde saiu e o motivo. Um mês após, esse dado ainda não foi respondido. A única resposta recebida foi sobre a origem: “Referente a transferência de recursos do tesouro municipal”. Foi realizado recurso e a solicitação de informação seguiu para a chefia de gabinete do prefeito Gustavo Marques. Assim que for respondida, atualizaremos esse post.

Usina asfáltica
Com esse valor, a Prefeitura de Formosa poderia ter feito igual a Prefeitura de Planaltina e adquirido a Usina Asfáltica que vai ser entregue para administração de lá em breve pelo valor de R$ 358 mil.

Usina adquirida pela Prefeitura de Planaltina


Extrato bancário da conta vinculada à conta do Salto do Itiquira, através do Sistema de Informação ao Cidadão

Vertinho de Oliveira é homenageado pela Câmara de Formosa

12 de abr de 2019 / No Comments


O Governador do distrito 4530 (DF, GO e TO), Vertinho de Oliveira, que administra diversos projetos sociais, foi homenageado na noite desta quinta-feira (11).

Os vereadores Mundim e Macarrão proporam a Moção de Congratulação que foi aprovada pela Câmara. Vertinho, de Formosa, é responsável por administrar uma rede que atende milhares de pessoas.

Essa Moção vem após as homenagens na Câmara Legislativa, Câmara Municipal de Goiânia e Câmara Municipal de Anápolis.

O distrito 4530, do Rotary International, abrange Distrito Federal, Goiás e Tocantins. É a primeira vez que um formosense foi alçado ao cargo de Governador Distrital. A posse de Vertinho foi realizada em Formosa no último ano. Sua gestão encerra no primeiro semestre de 2019.

Na cerimônia, também receberam a Moção diversos policiais militares que desempenharam papel relevante nesses últimos meses.

Prefeito Gustavo recebe caminhão do lado do ex-prefeito Ernesto que diz “trabalho conjunto que realizamos”

7 de abr de 2019 / No Comments


O prefeito Gustavo Marques foi à Goiânia receber um dos caminhões basculantes entregues pelo ex-prefeito, Ernesto Roller, hoje secretário de Governo.

Essa é a primeira aparição pública de Ernesto, em sua rede, com políticos de Formosa após as operações de investigações do Ministério Público de Goiás contra o primeiro escalão de sua administração.

Nas redes sociais, Ernesto disse “Goiás sempre contou com o trabalho de Ronaldo Caiado. Enquanto senador, ele colaborou para a viabilização de emenda parlamentar que resultou na entrega de caminhões basculantes para 33 municípios goianos, nesta sexta-feira. Entre as cidades contempladas, está Formosa, graças ao trabalho conjunto que realizamos”, revela.

Ao lado de Ernesto esteva o prefeito Gustavo Marques; o presidente da Câmara, Mundim e o secretário de Infraestrura, Genedir Ribas. O ex-deputado federal Pedro Chaves fez parte da segunda foto.

Formosa amanhece com operação que combate fraude em licitações da Prefeitura de Formosa

22 de mar de 2019 / No Comments


Operação Demóstenes é desdobramento das operações Gaugamela e Queronéia. Quatro mandados de prisão preventiva foram decretados pelo juiz Fernando Oliveira Samuel, da 2ª Vara Criminal.

O Ministério Público do Estado de Goiás deflagrou nesta sexta-feira (22/3), em Formosa, a operação denominada Demóstenes, desdobramento das Operações Gaugamela e Queronéia . Estão sendo cumpridos quatro mandados de prisão preventiva, decretadas pelo juiz Fernando Oliveira Samuel, da 2ª Vara Criminal. Os alvos da operação são os empresários André Luiz Gontijo de Souza e Vanessa Maris Araújo Fernandes, proprietários da empresa Mult-X Construtora, e os engenheiros Leonardo Machado Ferreira e João Batista Martins Furtado.

Investigações realizadas pelo MP-GO revelaram a existência de organização criminosa integrada pelos acusados voltada à prática de crimes de fraude em licitações, falsidade ideológica e uso de documentos falsos. Foram fraudados oito procedimentos licitatórios que tiveram como objetivo a pavimentação asfáltica, aplicação de lama asfáltica e tapa-buraco nas ruas do município.

Além das prisões, o magistrado, atendendo pedido do MP-GO, decretou o bloqueio de R$ 5 milhões dos réus como forma de assegurar o ressarcimento dos prejuízos causados aos cofres públicos municipais.

A Operação Demóstenes é coordenada pelos promotores Douglas Chegury e Fernanda Balbinot, e conta com o auxílio do Ministério Público de Contas com atuação no TCM-GO e das Polícias Civil e Militar.

A Operação Gaugamela foi deflagrada no dia 12 de fevereiro, com o objetivo de cumprir nove mandados de busca na prefeitura de Formosa e em endereços residenciais. Buscou instruir inquéritos civis instaurados com a finalidade de apurar a prática de possíveis desvios de recursos em processos de licitação e contratos administrativos entre 2017 e 2018. Foram alvo da operação o ex-secretário de Obras do município, Jorge Saad Neto; o ex-secretário municipal de Finanças, Luís Gustavo Nunes de Araújo; o empresário André Luiz Gontijo de Souza, proprietário da empresa Multi-X, além das secretarias de Obras, Finanças, Administração, Controle Interno, Licitação e Gestão de Contratos.

A Queronéia ocorreu no dia 27 de fevereiro com o objetivo de cumprir quatro mandados de busca e apreensão em residências de pessoas investigadas pela prática, em tese, de atos de improbidade administrativa, por desvio de recursos públicos em fraudes de licitações e contratos administrativos, entre 2017 e 2018. Os mandados foram cumpridos nas casas de duas ex-presidentes da Comissão de Licitação do município, Chayane de Melo Gontijo e Bianca Castro Valadares, o ex-gestor do Executivo Eliardo de Oliveira Faria e o ex-controlador interno, Humberto Marques da Costa Pinto.

Demóstenes foi um político grego demagogo derrotado por Alexandre o Grande na célebre batalha de Queronéia, travada em 338 a.c. Depois de ser condenado por corrupção, fugiu covardemente de Atenas e se suicidou ingerindo veneno para escapar à ação da justiça. Doravante os nomes de eventuais novas operações farão referência não mais a batalhas, mas a ícones gregos do bem e do mal. (Edição de texto: João Carlos de Faria – Assessoria de Comunicação do MP-GO/Fotos: Acervo da 6ª Promotoria de Formosa)


Crimes de extorsão, organização criminosa e corrupção passiva, envolvendo veículos de comunicação e influenciadores são investigados em Formosa-GO

20 de mar de 2019 / No Comments

Veículo de comunicação de Formosa e influenciadores de várias esferas são investigados por práticas criminosas, tais como: extorsão, organização criminosa e corrupção passiva.

Foi instaurado nesta semana na Comarca de Balneário Camboriú/SC, Inquérito Policial, para investigar possível envolvimento de empresários e influenciadores da cidade de Formosa/GO, que buscam denegrir a imagem de Empresa Loteadora idônea.

As provas estão sendo apresentadas às autoridades, e dentre elas tem-se registros de reuniões formais, gravações telefônicas e conversas por meio de aplicativos e redes sociais. A tentativa de prejudicar a empresa, do segmento de Condomínios Fechados de Alto Padrão, que está em fase de conclusão (inclusive com  casas sendo edificadas com alvará de construção), prejudica drasticamente a arrecadação da cidade, geração de empregos diretos e indiretos, além da renda da população local.

Os primeiros procedimentos de investigação já estão sendo enviados para o Estado de Goiás, e nos próximos dias, as autoridades policiais estarão dando andamento ao cumprimento das Cartas Precatórias  na cidade de Formosa/GO.

Os envolvidos poderão estar sujeitos à diversas penas, que podem variar de quatro a doze anos de reclusão, além de multa.

Caberá ainda, em alguns casos, a perda do exercício da profissão, sem falar nos processos que podem tramitar na esfera cível, no caso de reparação dos danos causados à empresa que teve sua imagem denegrida.

A exposição de notícias manipuladas, assim como outros crimes devem ser punidos, só assim Formosa irá ganhar velocidade no seu desenvolvimento gerando riqueza e qualidade de vida.

Fonte: NewBank