Menu

Mesa da Câmara quer suspensão de sessões durante um mês, sem antecipação de férias


A Câmara Municipal de Formosa está buscando suspender durante 30 dias as sessões de votações. A Mesa Diretora do legislativo municipal propôs o Projeto de Decreto Legislativo na Sessão Extraordinária que acontece às 19h no Plenário.

Enquanto todo o país delibera a situação por videoconferência, a Câmara de Formosa fecha as portas para o debate. O Projeto de Decreto Legislativo será votado nesta quarta-feira (25). No projeto não há redução de remuneração tampouco antecipação de férias.

Os vereadores propõem que, se uma futura situação exigir realização de alguma sessão extraordinária
durante esse período de suspensão das atividades da Câmara, a sessão será realizada de forma presencial. As próximas extraordinárias, se acontecerem,serão por videoconferência.

O projeto é assinado pelos vereadores: Ceguinho, Eduardinho, Jurandir, Miro Bikes e Netinho Lacerda.


Na sessão, também será votada a decretação de calamidade no município. A medida facilita licitações e deixa o prefeito não obedecer limites da Lei de Responsabilidade Fiscal. Brasília, por exemplo, ainda não decretou.

Confira os projetos: CLIQUE AQUI

Compartilhe:

Sem comentários " Mesa da Câmara quer suspensão de sessões durante um mês, sem antecipação de férias "

  • Adicione emoticons Show Icons
  • Para adicionar códigos [pre] código aqui[/pre]
  • Para adicionar imagens [img]link-da-imagem[/img]
  • Adicione seu vídeo http://www.youtube.com/watch?vSEUVIDEO