Menu

Vendo "Older Posts"

Vendo "Segurança"

Desabafo Formosense: Insegurança

19 fevereiro 2013 / 1 Comment
https://lh5.googleusercontent.com/-5jKhKfHC0dA/USOICbVSinI/AAAAAAAAESY/OlHxZDi3w1Q/s530/desabafo+formosense.png

Saiba +
Desabafo Formosense é a nova coluna do Entorno Urgente. Trazendo sempre temas polêmicos com uma linguagem de fácil entendimento. A opinião expressa é da nossa redação não sendo influenciável. Não há nenhuma relação entre os grupos do facebook.
Formosa, uma das maiores cidades do Entorno, é apontada como uma das mais violentas. Em uma posição estratégica entre estradas rurais e pouca fiscalização, os bandidos que cometem delito muitas vezes não são encontrados nas mediações.

Em anos atrás, víamos nas viaturas armas de grosso calibre, policiais bem treinados, a polícia de choque fazendo um policiamento ostensivo de combate ao crime. Formosa, tinha mais policiais, maior investimento por parte do Governo do Estado e maior influência na gestão regional.

Ontem (18) às 18h30 um jovem de 21 anos foi baleado duas vezes nas costas e uma mulher que estava no local foi alvejada por balas perdidas. A mulher foi liberada após atendimento pelo SAMU e o jovem foi encaminhado ao Hospital Municipal.

O jeitinho brasileiro de não se importar com o que é conveniente fez a segurança tornar insegurança. Sem um apoio amplo estadual e sem um dirigente de pulso forte, ficamos reféns do medo e da criminalidade.

O direito de ir e vir, um dos fundamentos da constituição não é obedecido.

Pessoas por medo não saem à noite, não frequentam os bares e muito menos ficam até tarde nas ruas.

A falta de movimento por parte da população faz a situação se agravar mais. Lembramos que 2014 é ano de votos, de políticos virem em nossa terra buscar votos e depois não cumprirem. Fique atento e não seja mais um alienado que defende ideias patéticas e hipócritas.

Salas da guarda municipal de Goiânia destruídas em parques

26 dezembro 2012 / Sem comentários


Vândalos invadiram e destruíram salas da Guarda Municipal em dois parques de Goiânia na noite de segunda-feira (24), véspera de Natal. Em um deles, até a motocicleta que fazia a ronda foi queimada.

Um dos casos de vandalismo aconteceu no Parque da Lagoa, que fica no Setor João Bras. Janelas ficaram estilhaçadas e a porta foi arrombada. Do lado de dentro, os vândalos bagunçaram toda unidade. Ferramentas de trabalho e alimentos ficaram esparramados no chão. Eles ainda levaram um botijão de gás.

Já no parque Taquaral, região oeste de Goiânia, os estragos foram bem maiores. Com uma barra de ferro, os vândalos quebraram a janela. Eles aproveitaram que não tinha ninguém no local e colocaram fogo nos moveis e até em uma moto que era usada para fazer o patrulhamento no parque.
O fogo destruiu também geladeira, televisão e uniformes dos guardas. Peritos criminais estiveram no local, e encontraram uma caixa de fósforos e parte de um possível frasco de álcool.

A companhia da Polícia Militar (PM) responsável por essas áreas disse que o patrulhamento é de responsabilidade exclusiva da Guarda Municipal, mas que está aberta a uma parceria para coibir os crimes nesses parques. Para isso, a PM espera um contato da Guarda Municipal.

Fonte: G1

Governo de Goiás: Nova frota será entregue amanhã

09 dezembro 2012 / Sem comentários

O Governo do Estado de Goiás entregará à Secretaria da Segurança Pública e Justiça de Goiás, na segunda-feira (10/12), o primeiro lote dos veículos que renovarão a frota das instituições que compõem a pasta. O evento será realizado no Autódromo Ayrton Senna, às 8h30. Na oportunidade, o governador Marconi Perillo repassará 1.228 veículos para as Polícias Militar e Civil, Polícia Técnico-Científica e Corpo de Bombeiros. O secretário da Segurança Pública e Justiça, Joaquim Mesquita, também participará do evento. A Polícia Militar receberá 1.115 unidades, a maioria com motorização 1.6, mais potentes que as viaturas utilizadas atualmente. Dessa forma, o patrulhamento ostensivo terá mais agilidade. Os veículos foram contratados em regime de locação, o que torna ágil a reposição de veículos avariados e desonera a SSPJ de outros gastos, como seguro e manutenção.