Antonio Cardoso é eleito o novo prefeito de Cabeceiras e moradores vão as ruas comemorar resultado, confira fotos.

Antonio Cardoso e Tuta foram eleitos prefeito e vice do município de Cabeceiras. Os candidatos à Prefeitura de Cabeceiras pela coligação “Juntos Construindo Cabeceiras (PSL, PDT, PSD, PSB, PSC, PSDB, PMDB, PV, PT, DEM, PSDC, PPS, PTC e PROS)” conquistaram 3.047 votos (62,76%) contra 1.808 (37,24%) de Bim de Oemis e Byn Wanderson da coligação “Juventude em Prol do povo (PTN, PTB e PP)”. O valor apurado das 18 urnas foram 5.012 votos sendo 4.855 válidos, 49 eleitores votaram em branco e 108 nulos. Não compareceram para votar 922 eleitores.

Pela primeira vez na história do município a apuração dos votos ocorreu no município. A Justiça Eleitoral preparou a Câmara de Vereadores para que uma equipe do Tribunal Regional Eleitoral – TRE-GO realizasse as apurações. Durante esse domingo (4), não houve nenhum crime eleitoral no município, as votações foram tranquilas. A apuração foi rápida e às 17h30 os cabeceirenses já conheciam o novo prefeito e vice.

Para a eleição suplementar de Cabeceiras, a segurança foi intensificada a partir do último sábado (3), com equipes da Polícia Militar, Civil e Federal. Vários policiais à paisana e toda equipe da Justiça Eleitoral uniram forças para que a eleição fosse tranquila.

Em entrevista ao site Entorno Urgente, Antonio Cardoso revelou que vai retribuir os votos. “Cabeceiras pode contar comigo. Eu vou dar de mim a cada minuto da minha vida para retribuir os votos que eu tive hoje. O povo de Cabeceiras merece, nós estamos dando um grito de liberdade para todo nosso povo. Muito obrigado povo de Cabeceiras, estou muito agradecido pelo carinho que tiveram comigo”, pontua.

O Presidente Nacional do PROS, Eurípedes Júnior esteve presente nas comemorações da vitória. Em entrevista ao Entorno Urgente, revelou que vai buscar recursos do Governo Federal para o povo de Cabeceiras. “Nós iremos ajudar na administração e vamos buscar trazer melhorias junto o Governo Federal. Irei levar Antonio para conversar com o ministro da Integração Nacional e tentar de todas as formas trazer melhorias para a população”, destaca Euripedes.

Sobre as eleições

O novo pleito eleitoral foi realizado em Cabeceiras devido à cassação dos diplomas do prefeito e vice-prefeito, que ficaram inelegíveis por oito anos pela prática de captação ilícita de sufrágio, configurada pela distribuição de cestas básicas, doação de combustível e concessão de gratificação a servidores municipais.

Como a nulidade atingiu mais da metade dos votos do município, a nova eleição foi marcada, em conformidade com a lei eleitoral (Código Eleitoral - lei 4.737/1965, artigo 224).

Maiores informações:
Fotos e Cobertura: Aldimar Nunes

Com informações do TRE-GO

Fotos












Confira todas as fotos: https://www.facebook.com/entornourgente/photos_albums

Escolha qual rede social e comente:

0 comments: